Sete vitórias do Leão sobre times do Sudeste

Sete vitórias do Leão sobre times do Sudeste 

 

Para destacar essas vitórias do Fortaleza vamos as mais recentes. Dois jogos pela Copa do Brasil em 2016, nasegunda fase do torneio. 

 

Dois confrontos contra Flamengo 

1: No primeiro jogo contra o Flamengo, uma vitória por 2 x 1, no dia 04 de maio de 2016, na Arena Castelão.  

 

O tricolor cearense treinado por Maquinhos Santos veio a campo com Ricardo Berna, Felipe (Erivelton), Lima, Edimar e Willian Simões. Dudu Cearense, Juliano, Pio, (Corrêa), Jean Mota (Juninho) e Everton; Anselmo. 

 

O rubro-negro carioca, do técnico Muricy Ramalho estava com Paulo Victor, Rodinei, Wallace, Juan e Jorge, Gustavo Cuellar, Willian Arão, Frederico Mancuelo e Fernandinho (Gabriel), Marcelo Cirino (Ederson) e Paolo Guerreiro.  

 

O time cearense saiu na frente com Anselmo aos 20 m do primeiro tempo e Felipe ampliou aos 26 m do segundo tempo. Guerrero descontou aos 20 m do segundo tempo (na verdade empatou e depois que o tricolor fez o segundo). 

2:Na partida de volta no Rio de Janeiro o Fortaleza venceu novamente o Flamengo por 2 x 1, com gols de Pio e Alan Patrick descontou. O jogo foi em Volta Redonda. 

 

Confronto contra o São Paulo 

3:Voltamos agora ao ano de 1984, quando o Fortaleza disputava a primeira fase do Campeonato Brasileiro. A vitória leonina foi pelo placar mínimo de 1 x 0, gol de Evilásio. O técnico era Caiçara, o time que foi campo era formado por Salvino,PedroBasilio,Tadeu, Caetano, Serginho, Betinho, Vágner, Luisinho Rangel, Valdir (Izone), Tangerina (Ribamar) e Evilásio. O São Paulo do técnico Mário Travaglini estava escalado com Waldir Perez, Dário Pereyra,Oscar, Paulo Roberto, Nelsinho, Humberto, Márcio Araújo, Zé Mário (Pianelli), Renato, Agnaldo, Jaiminho (Marcão).  

 

Enfrentamento contra o Palmeiras 

4: No mesmo ano, o mesmo treinador e quase a mesma equipe foi a São Paulo enfrentar o Palmeiras, só uma mudança e de peso no gol Sérgio Monte fechou a meta e não foi vazado, o gol do Leão cearense foi de Vágner. O Palmeiras do técnico Carlos Alberto Silva veio a campo com Emerson Leão, Luís Pereira, Vágner Bacharel, Denys, Ditinho, Aragonez, Rocha, Carlos Alberto Borges (Cléo), Jorginho Putinatti, Reinaldo Xávier (Baltazar) e Robertinho. 

 

Superação contra Atlético (MG) 

5:Em 1974, o Fortaleza enfrentou o Atlético (MG) de Telê Santana no Minerão e venceu por 1 x 0, gol de Marciano. O time alvinegro estava formado com Zolini, Vantuir, Fausto (Danival), Grapete, Cláudio, Getúlio, Arlem, Vanderlei, Marcelo Oliveira (China), Romeu e Totonho. O tricolor do Pici do técnico Urubatão tinha o grande Lulinha, Osires, Pedro Basilio, Rener, Louro, Lucinho, Hamilton Melo, Zé Carlos, Geraldino (Iris), Beijoca e Marciano. Esses jogos mais antigos faltam gols e material para passar. 

 

Boa vitória contra o Corinthians 

6:No dia 13 de junho de 1974 no Castelão o Fortaleza superou o timão por 2 x 0, gols de Geraldino. O time praticamente foi o mesmo que venceu a partida citada acima. Já o clube do Parque São Jorge era treinado por Luisinho e jogava com Armando, Pescuma, Wladimir, Gali, Mosca (Washington), Paulo Sérgio, Lance, Vaguinho (Alves), Marcos Antônio Visgo, Adãozinho. Os gols da partida foram aos 17 m do primeiro tempo e aos 5m do segundo tempo. 

 

Goleada sobre o São Caeteno 

7: Um confronto interessante do Fortaleza contra os times do Sudeste aconteceu no dia de setembro de 2005 na Série A, 24° rodada contra o São Caetano, até já citei esse jogo em um dos episódios sobre a participação tricolor naquela competição, mas agora vamos aos gols desse confronto. Primeiro a escalação das equipes. O técnico do tricolor cearense era Hélio dos Anjos que escalou a equipe com Bosco, Ronaldo Angelim, Márcio Goiano, Chiquinho (Thiago Matos), Marquinhos, Dude, Lúcio, Igor (Hernani), Fumagali (Clodoaldo), Erandir, Rinaldo. Já o clube paulista que na sua história tem uma final de Libertadores,veio treinada por Levi Culpi que mandou a campo, Silvio Luiz, Thiago Martinelli, Thuran (Márcio Richards), Triguinho, Raulen, Zé Luis (Emerson), Paulo Miranda, Lúcio Flávio, Pingo, Edilson, Dimba (Márcio Mexerica). Para o tricolor do Picimarcaram, Lúcio duas vezes, Igor, Fumagali e Rinaldo, para o São Caetano marcou Edilson duas vezes. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial