Programa Minha Casa Minha Vida recebe aporte financeiro, mas novas contratações continuam paradas

As portarias 595 e 597, de 25 de setembro de 2018, tiveram a data da contratação prorrogada pela segunda vez. Ambas, selecionam unidades habitacionais do Programa Nacional de Habitação Rural (PNHR) e Minha Casa Minha Vida Entidades (MCMV-E).  A expectativa é de que as portarias sejam contratadas em breve, mas o novo prazo é para final de agosto de 2019.

O presidente da Frente Brasileira de Habitação Popular – FBHP, Pablo Said, além de defender a efetivação das portarias, enfatiza todos os esforços empreendidos pelas entidades selecionadas, que se mobilizaram para atender as normas do Programa e tiveram dispêndio financeiro. “Não podemos deixar que esta seleção não seja contratada. Acreditamos que o Governo Federal e o MDR sejam sensíveis com este momento de expectativas para que essas demandas sejam atendidas”, coloca.

Recentemente, o Governo Federal garantiu a suplementação de R$ 800 milhões. A decisão foi tomada durante reunião da equipe econômica na Junta de Execução Orçamentária (JEO). O aporte será disponibilizado pelo Ministério da Economia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *