EMPRESÁRIO AGEU MONTEIRO DE ALMEIDA História viva de empreendedorismo

O empresário Ageu Monteiro de Almeida teve uma trajetória admirável para chegar aonde está hoje. Não foi fácil. Aos 13 anos foi balconista de farmácia, mas sempre mostrou-se esforçado para progredir. Trabalhou em todas as funções possíveis, exercendo de tudo um pouco.

Trabalhava mais de 9 horas por dia. Tanta dedicação teve reconhecimento e, como prêmio, obteve o salário dobrado. Passou a trabalhar em empresas de navegação – Boris Navegação e outras. Continuou dedicado, passou a gerar lucros e cobrir prejuízos de gerentes anteriores onde trabalhava. Por isso, outra vez teve aumento de salário, desta feita com 50%. “Era muito dinheiro para quem tinha saído da pobreza”, diz.

Depois de anos sem estudar, fez vestibular e foi aprovado.   “ O segredo é não ter medo de arriscar, não ter medo de fracassar”, aconselha. Daí foi trabalhar no porto a serviço da empresa onde estava. Dos 50 navios que aportavam no mês, 30 eram por ele atendido muitas vezes. Hoje eu olho pra trás e me pergunto: como eu dava conta?”. Aos 30 anos foi nomeado para a Diretoria do porto do Mucuripe pelo presidente Castelo Branco. É casado, seus filhos todos possuem carreiras bem-sucedidas.

O empresário foi um dos homenageados na coletiva empresarial denominada Casos de Sucesso, promovida pela Associação Comercial do Ceará (ACC) com o apoio do Sebrae-CE. O evento, já tradicional em nosso Estado, promove homenagens a personalidades marcantes da história do Ceará, aqueles empresários que fizeram e fazem a diferença. O Jornal do Comércio realizou cobertura exclusiva da solenidade, que está em sua 60ª edição. Atualmente o empresário é sócio-diretor da Copral Comércio e Navegação Ltda.e já foi laureado em outras solenidades de diversas instituições.

A ACC é presidida pelo empresário  João Porto Guimarães. “A Associação Comercial do Ceará se tornou uma forte defensora e promotora do empreendedorismo, ajudando o Governo do Estado a cultivar junto à sociedade local, o espírito empreendedor cearense. Ao longo de toda a sua existência, a Entidade sempre foi liderada por um elenco de personalidades verdadeiramente comprometidas com este Estado”, afirma João Porto.

Em 2016, a ACC completou 150 anos de existência. A Associação também outorga o tradicional troféu Carnaúba que é  entregue anualmente durante as comemorações do seu aniversário. Personalidades como Yolanda Queiroz, Ivens Dias Branco, José Dias Macêdo, Beto Studart, Deusmar Queirós e Edyr Rolim já foram agraciadas com o Troféu e muitos outras personalidades empresariais cearenses.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *